Vítimas do coronavírus e juntos há 60 anos, idosos morrem com apenas 2 horas de diferença

Guilherme Santiago | 12/03/2020 | 4:52 PM | INTERNACIONAL
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.


Um casal italiano, que estava junto há 60 anos, morreu de coronavírus com apenas duas horas de intervalo.

Severa Belotti, 82, e Luigi Carrara, 86, passaram os últimos dias de suas vidas em confinamento, em sua cidade natal de Albino, na província de Bérgamo, no norte da Itália.

O filho deles, Luca Carrara, disse que ambos ficaram confinados em sua casa por oito dias, sem assistência médica e com febre de 39 graus.

De coração partido, o filho declarou ao jornal local Corriere della Sera que seu pai, Luigi, que trabalhava como pedreiro antes da aposentadoria, foi levado ao hospital de Bérgamo no sábado (07) e sua mãe, Severa, dona de casa, foi internada no mesmo local no domingo (08).

Luigi faleceu na terça-feira (10) às 9h15 e Severa às 11h.

“Eles morreram sozinhos, é assim que esse vírus funciona … nossos entes queridos vão embora e você nem pode dizer adeus, abraçá-los ou tentar confortá-los … você nem pode contar a eles uma boa mentira como ‘tudo ficará bem’ “, desabafou o filho.

Luca, que trabalha para a empresa de serviços de água Uniacque, em Bérgamo, está atualmente em quarentena com sua esposa e dois filhos.

Ele explicou que seus pais ficaram presos por um período longo porque não havia médicos por perto:

“Tentei ligar para o serviço de emergência no número 112, mas ninguém veio em socorro … eu não culpo o 112 … eu os entendo e, na verdade, só tenho palavras de agradecimento porque (quando puderam) eles ainda tentaram salvá-los.”


Luca Carrara, o filho

Com relação ao atendimento hospitalar, Luca disse o seguinte:

“No hospital foi tudo desastroso … a equipe não sabia onde colocar os pacientes e os médicos estavam escolhendo quais pessoas salvar e deixando os idosos morrerem … o que mais eles poderiam fazer? ” 

Impedido de se despedir adequadamente dos pais, Luca às mídias sociais para dar o último adeus:

“Olá, mamãe e papai, esse vírus maligno levou vocês dois no mesmo dia … vocês continuarão discutindo lá em cima? … certamente, mas sei que tudo terminará com um abraço.”

“Meu pai tinha 86 anos, ele era um homem velho, sim, mas não tinha nenhuma doença anterior … eu não pude me despedir … os corpos foram levados ao cemitério e sabemos que levará alguns dias para cremá-los, porque há muitos mortos.”

Até o momento, 12.462 casos confirmados de COVID-19 foram confirmados na Itália … 827 pessoas morreram.

 


 

compartilhe esse post:
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
Instagram
Whatsapp
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.