Transexuais armam barraco em prédio de deputado federal: “Não pagou o programa”


O deputado federal José Otávio Germano (PP/RS) chamou dois transexuais para uma pequena diversão em seu apartamento e depois não pagou pela farra.

As ‘garotas’ armaram o maios barraco na frente do edifício onde o político mora, no bairro Petrópolis, em Porto Alegre.

Três soldados da Brigada Militar compareceram ao local para tentar negociar o fim do ‘protesto’.

Diante da confusão, um dos PM’s subiu até o 7º andar, onde mora o deputado e voltou com uma parte do dinheiro para pagar a tal dívida.

Segundo a BM, o deputado estava muito alterado.

Horas depois, o soldado que comandava a guarnição voltou para dentro do prédio e saiu com a quantia de R$ 2,5 mil.

Ele entregou o dinheiro para as garotas e alertou:

“Tô com o dinheiro aqui, R$ 2,5 mil. Tu vai me prometer que hoje tu vai aliviar” disse o soldado.

As trans concordaram em deixar o local mediante a promessa de que o restante da dívida será pago em breve.

Uma das ‘garotas’ mostrou mensagens de celular em que o deputado a chamava para o seu apartamento no começo da manhã de ontem (22).

José Otávio Germano é réu em duas ações penais da Operação Lava Jato.

Em 2008, ele foi acusado de fazer parte de um esquema de corrupção no Detran, porém conseguiu se livrar do processo judicial.


(informações do portal Metrópoles e jornal Zero Hora)


compartilhe esse post:
RSS
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
WHATSAPP
publicidade


  • error: Conteúdo protegido !!