Senadora debocha do povo ao saber que ministro mandou soltar seu marido suspeito de roubo


Gleisi Hoffmann (senadora PT) se afogou em gargalhadas quando soube que o ministro do STF mandou soltar seu marido, Paulo Bernardo

O Diário do Brasil não acha que a senadora está errada! Tem que comemorar mesmo! Parabéns ao ministro Dias Toffoli.

A cada dia que passa, os brasileiros deixam de acreditar na Justiça e no STF. São atitudes como essa que envergonham uma nação!

Dias Toffoli [do STF] alegou que houve “constrangimento ilegal” e determinou que a Justiça Federal em São Paulo revogasse a prisão do ex-ministro Paulo Bernardo, envolvido em um esquema milionário de desvio de verbas públicas no ministério do Planejamento.

Gleisi não se conteve e soltou deu uma gargalhada quando soube da decisão de Toffoli. 

O fotógrafo da Agência Senado captou o momento em que a senadora soube que o maridão seria solto.

Ela foi agraciada com abraços da bancada da chupeta.

Hoffmann fez questão de ler a decisão de Dias Toffoli no plenário da casa e comemorou como se tivesse ganhado na mega-sena.


Toffoli revoga prisão de Paulo Bernardo e alega “flagrante constrangimento ilegal”


 

compartilhe esse post:
RSS
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
WHATSAPP
publicidade


  • error: Conteúdo protegido !!