Palocci assina acordo de delação com a PF

Preso pela Lava-Jato desde 2016 e com um habeas corpus negado pelo STF no início deste mês, o ex-ministro Antonio Palocci deciciu jogar ‘sujeira’ no ventilador

E deu certo! O petista assinou um acordo de delação premiada com a PF, diz O Globo.

Uma negociação sigilosa entre os advogados do preso e a Polícia Federal já está no forno.

Após tentar reduzir (sem sucesso) sua pena a partir de tratativas com os procuradores da Lava-Jato, o ex-ministro de Lula quer abreviar seu período na prisão e dedicar sua vida à família.

O jornal O GLOBO informou que as tratativas estão em um estágio avançado e desfecho não passará do mês de maio.

No acordo, Palocci decidiu revelar os principais clientes de sua empresa de consultoria […] e tem coisa graúda nas delações, inclusive dois grandes bancos brasileiros.

Ele admitiu ter usado sua influência para favorecer os tais clientes no governo em troca de vultuosas propinas.

Quer mais? Vamos lá …

Revelações sobre integrantes do Carf (Conselho Administrativo de Recursos Fiscais) além do nome de de dois ministros de tribunais superiores (STJ ou STF ???).

Detalhes minuciosos dos crimes foram detalhados à Polícia Federal […] um dos investigadores chegou a declarar (em off) que a delação do ex-ministro de Lula tem informações suficientes para debelar estruturas criminosas que até então estavam fora do alcance da polícia.

Em 2017, a “Veja” adiantou parte das histórias de Palocci: Lula seria o alvo principal de grande parte das confissões do ex-ministro.

Ainda de acordo com a revista, Antônio Palocci contou detalhes de como entregava propina em dinheiro vivo ao ex-presidente.

Ele era o encarregado de levar pequenos pacotes de propina (de 30 a 50 mil reais) a Lula.

Reuniões sigilosas dos governos petistas (Lula e Dilma) combinando atos ilícitos e negociatas com integrantes do Judiciário para blindar o PT também fazem parte do ‘cardápio de delações’ de Palocci.


leia a carta que o ex-ministro escreveu dentro da cadeia:

A Carta de Palocci para o PT: “Uma seita guiada por uma pretensa divindade”


 

compartilhe esse post:
RSS
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
WHATSAPP
publicidade