Os Trapalhões ou A Praça é Nossa?


Gilmar Mendes, ministro do STF, voltou a cuspir no prato que come

Em uma declaração dada hoje (03), ele disse que os ministros da Corte correm o risco de “acabar nos Trapalhões (programa humorístico da Globo)” por praticar o “direito constitucional da malandragem”.

A declaração de Gilmar foi uma crítica direta à recente decisão do STF em afastar o senador Aécio Neves (PSDB-MG) do exercício de seu mandato […] há cerca de 2 horas, o ministro do STF, Edson Fachin, negou o pedido da defesa do senador e manteve a decisão do afastamento.

Disse Gilmar:

“… há vários senadores e deputados com denúncia recebida […] também nós deveríamos afastá-los? […] o neoconstitucionalismo, o direito constitucional da malandragem, permitem esse tipo de coisa? Precisamos ter muito cuidado com essas questões. Se queremos reescrever a Constituição, vamos lá para o Congresso e assumamos a função de legisladores”, disse Gilmar em uma crítica direta e ácida contra seus colegas de Corte.


Prezado ministro Gilmar … com todo o respeito que devemos ter com vossa senhoria, mas não são os seus pares (os outros 10 ministros) que irão parar no programa ‘Trapalhões’ …

É mais fácil (e provável) que V.Ex.ª vá parar sozinho em um programa humorístico.

Sabe qual? A Praça é Nossa!


 

compartilhe esse post:
RSS
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
WHATSAPP
publicidade