Organização dos Direitos Humanos diz que ficará 'na cola' de Bolsonaro | Diário do Brasil

Organização dos Direitos Humanos diz que ficará ‘na cola’ de Bolsonaro

A organização internacional dos Direitos Humanos (Human Rights Watch) declarou que irá ‘fiscalizar’ de perto o governo do novo presidente do Brasil.

“A Human Rights Watch acompanhará de perto a retórica e as ações do governo de Bolsonaro”, disse José Miguel Vivanco, diretor das Américas da Human Rights Watch.

Em nota, a ONG declarou que Bolsonaro venceu uma eleição que foi marcada por violência de cunho político:

“Muitas vítimas eram pessoas lésbicas, gays, bissexuais e transgêneros (LGBT), mulheres e negros”. Continuaremos fazendo nosso trabalho rigoroso como temos feito nas últimas décadas, na defesa dos direitos humanos de todos os cidadãos brasileiros” diz a nota.

Claro … as eleições foram violentas para as minorias e a culpa é do Bolsonaro.

Onde estava a Human Rights Watch  quando o Ipea e o Fórum Brasileiro de Segurança Pública divulgaram que, nos últimos dez anos, 553 mil pessoas (das quais 71% eram negras) perderam a vida vítimas de violência no Brasil?

Onde estava essa bendita ONG quando o gráfico abaixo foi divulgado?

Quer saber onde eles estavam?

Dentro dos presídios, defendendo os assassinos dessas minorias.



 

compartilhe esse post:
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
Instagram