Operação Skala: PF prende ex-assessor de Temer | Diário do Brasil

Operação Skala: PF prende ex-assessor de Temer

Investigação apura se Temer praticou crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro

A PF prendeu na manhã de hoje (29) o empresário e advogado José Yunes, 80, ex-assessor e melhor amigo do presidente Michel Temer.

O ministro  Luis Roberto Barroso, do STF, autorizou a detenção temporária (5 dias) de Yunes em um inquérito que investiga Temer pelo suposto recebimento de propina em troca de benefícios para o setor portuário.

Antônio Celso Grecco, dono da Rodrimar (empresa que atua no Porto de Santos) e o coronel João Batista Lima Filho (suposto laranja de Temer) também foram presos temporariamente no âmbito da Operação Skala.

A PF declarou que, por determinação do STF, não se manifestará a respeito das diligências realizadas hoje.

Em maio de 2017, o presidente Michel Temer assinou um decreto suspeito ampliando de 25 para 35 anos os prazos dos contratos de concessão e arrendamento de empresas que atuam em portos, permitindo assim que esses mesmos contratos fossem prorrogados por até de 70 anos.


 

compartilhe esse post:
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
Instagram