O INTOCÁVEL: Porque o Presidente do Senado é o homem mais poderoso da política brasileira?

Com todo respeito ao Supremo Tribunal Federal, mas Renan Calheiros tratou cada um dos ministros da Suprema Corte como “Ministrecos” […] ou “Juizecos”, como o próprio senador disse no dia 27 de outubro aos se referir ao juiz da 10ª Vara Federal do DF, Vallisney de Souza.

(Jackson Freitas para o Diário do Brasil)

Renan não liga se um juiz é de primeira, segunda ou última instância.

Para ele, todos são seus subordinados hierarquicamente.

Qual será o motivo que torna o Presidente do Senado o homem mais forte do país, a ponto de ter 13 inquéritos por corrupção praticamente parados no STF?

Simples…

Quem lembra daquelas maletas anti-grampo que o Senado adquiriu?

A tal maleta, de origem israelense, é o equipamento mais sofisticado do mundo para interceptação e embaralhamento das comunicações, não necessariamente nesta ordem.

A função essencial do “Guardião”, como é conhecida a maleta tecnológica no Brasil, não é a de evitar grampos, e sim de grampear.

Será que é por esse motivo que o senador tem tanta confiança em suas ações? Provavelmente sim.

Podemos dizer também que ele é um profundo conhecedor das leis e das artimanhas legais, assim como Eduardo Cunha.

Ele tem o conhecimento e as maletas. É um estrategista de primeira, temos que reconhecer.

Renan está com o ZAP e o SETE DE COPAS nas mãos! Ele não perde para ninguém!

Quem trucar em cima dele, levará uma ‘seisada’ imediatamente.

No poker, poderíamos dizer que o nobre parlamentar tem um Royal Straight Flush em suas mãos.

Como dizia Nelson Rodrigues:

“Muitas vezes é a falta de caráter que decide uma partida. Não se faz literatura, política e futebol com bons sentimentos.”

 

publicidade


error: Conteúdo protegido !!