O envolvimento nojento entre o ator petista Gregório Duvivier e o hacker da Lava Jato

Amanda Nunes Brückner | 20/12/2019 | 4:19 PM | BRASIL
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

O humorista Gregório Duvivier, que faz parte do programa Porta dos Fundos (grupo que lançou um especial de Natal na Netflix zombando da fé dos católicos), participou de conversas com o hacker Walter Delgatti Neto, responsável por roubar mensagens particulares de autoridades.

Duvivier sugeriu que o hacker invadisse o aplicativo Telegram de figurões da Rede Globo, segundo relatório da PF encaminhado à Justiça Federal.

No computador de Walter Delgatti foi encontrado um atalho chamado “GREGORIO DUVIVIER.Ink”, onde o criminoso guardava conversas que tivera com o humorista, informou a PF.

Conversas roubadas pelo hacker foram encaminhadas para Duvivier, que respondeu:

“Feliz de conhecer o hacker”

Na troca de mensagens entre ambos, Duvivier recebe a informação de que as mensagens hackeadas teriam sido repassadas para o jornalista Glenn Greenwald , que ele iria “mudar o destino do país” ao revelar as conversas impróprias de procuradores da Lava-Jato e do ex-juiz Sergio Moro.

Na sequência, o humorista pergunta se haveria algo comprometedor contra a família do presidente Jair Bolsonaro … e seguida ele pergunta o seguinte:

“Tem algo da Globo?”

Delgatti responde que havia “pegado” o aplicativo de William Bonner, porém não teve acesso a nenhum conteúdo, porque tudo havia sido apagado:

Duvivier então incita o hacker a roubar mensagens de novos alvos globais como o diretor-geral de Jornalismo Ali Kamel e o diretor-geral da emissora Carlos Henrique Schroder … ele também sugere que o criminoso invada o aplicativo de Wilson Witzel (governador do RJ) e do juiz federal Marcelo Bretas, responsável pela Lava-Jato no estado:

“Poderiam ser alvos” diz o humorista.

A PF informou que não houve indícios de que Ali Kamel, Schroder ou Witzel tenham sido vítimas de ações dos hackers.

Marcelo Bretas e William Bonner acabaram caindo na rede de ataques.

Em depoimento aos investigadores, Duvivier negou que tenha solicitado ou sugerido a invasão das contas citadas acima e relatou que seus questionamentos ao hacker foram motivadas por “curiosidade” … ele apenas sugeriu diversos nomes de forma aleatória .

Gregório Duvivier entregou para a PF um pendrive com todas as mensagens trocadas entre ele e o hacker Walter Delgatti Neto.


Ofensas a Sérgio Moro

O ator petista ofendeu gravemente o ministro Sérgio Moro no encontro da militância do PT em Curitiba, em frente ao prédio da PF.

As acusações além de sérias, contiveram palavras de baixo escalão, com o fim exclusivo de inflamar a plateia.

Confira non vídeo:


Ator petista publica foto em plantação de cannabis e desafia a polícia: “Me prendam”

 

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.