“Não é tiro, é pedrada” diz perito sobre um dos ônibus da caravana de Lula

De acordo com informação do Paraná Portal, o laudo da perícia feita nos ônibus atacados durante a caravana de Lula pelo Sul do país concluiu que nem todos os ônibus foram atingidos por balas.

Alguns veículos foram alvo de pedradas, apesar das marcas serem semelhantes à dos tiros.

Segundo o perito da Central da Polícia Científica do Paraná, Inajar Kurowski, o fundo arredondado e a análise química não deixam dúvidas:

“Pra confirmar que isso não era um tiro foi levado para análise química. Na pesquisa de chumbo, deu negativo”.

Em um segundo veículo da caravana, a perícia confirmou o atentado à bala.

A perícia informou que o disparo teria sido feito a uma distância de 19 metros e de uma altura um pouco acima da posição do ônibus:

“É incomum, mas é um tiro… As duas deram positivo para chumbo na análise química. Vieram de uma posição acima, uns nove graus”, disse.


leia também:

Que vergonha! Vídeo flagra senadora Gleisi colocando ‘miguelitos’ (pregos) no pneu de ônibus


 

 

compartilhe esse post:
RSS
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
WHATSAPP
publicidade


  • error: Conteúdo protegido !!