Mendes surpreende e rejeita habeas corpus apresentado por grupo de advogados. Lula vai ser preso!

Mais cedo, o ministro Gilmar Mendes disse para o Estadão, que iria indeferir o habeas corpus coletivo apresentado pelo grupo de advogados cearenses.

O habeas corpus coletivo, que foi entregue ao ministro, dizia que:

“O presente habeas corpus, em caráter coletivo, diante da possibilidade inaugurada pela SEGUNDA TURMA dessa Corte, volta-se contra ato omissivo da Excelentíssima Senhora Ministra Presidente, por não pautar, uma vez disponibilizados os feitos pelo Ministro Relator, desde o dia 05/12/2017, para julgamento pelo plenário do mérito das ADCs 43 e 44”.

Traduzindo, o documento acusava a ministra Cármen Lúcia de ser omissa por não levar a discussão da prisão após condenação em 2ª instância para a mesa do colegiado.

Pois bem … o ministro indeferiu (rejeitou) o documento.

Mendes considerou que o habeas corpus é amplo demais e poderia beneficiar todo tipo de preso – incluindo Lula.

O HC poderia resultar na soltura de todos os detentos condenados após 2ª instância.

“Isso tem que ser tratado caso a caso. Seria uma loucura um HC coletivo”, declarou Gilmar.

Lula vai ser preso!


 

compartilhe esse post:
RSS
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
whatsapp
publicidade


  • error: Conteúdo protegido !!