Matou a Lava-Jato e foi correndo contar para o presidente

Vejam só essa notícia …

A jornalista Andréia Sadi, da Globo News, relatou que o ministro Gilmar Mendes se encontrou ontem à noite, no Palácio do Jaburu, com o presidente Michel Temer.

Essa reunião não constava (e ainda não consta) na agenda oficial da Presidência da República.

Gilmar permaneceu lá por quase duas horas e meia.

O mais impressionante é que esse encontro (que também podemos chamar de conspiração) ocorreu logo após a Segunda Turma do STF (encabeçada pelas ideias de Mendes) tirar as delações da Odebrecht das mãos do juiz Sérgio Moro.

Flagrado por uma repórter da Globo, Gilmar desconversou e disse que o assunto com Temer dizia respeito ao semipresidencialismo.

Imaginem só a satisfação de Temer quando viu Gilmar.

Ele deve ter escutado algo como “Pronto Presidente, matamos a Lava-Jato. Pode dormir tranquilo agora.”


 

publicidade

  • error: Conteúdo protegido !!