Marcelo Odebrecht entrega email que comprova a relação do PT com o regime assassino de Kadafi

Marcelo Odebrecht entregou ontem (28) ao juiz federal Sergio Moro uma série de emails que mostram a parceria criminosa entre a Odebrecht com membros do governo Lula.

Em um desses emails (datado em 12/11/2008) o executivo relata a funcionários do grupo uma cobrança de propina que havia recebido de Antonio Palocci, ex-ministro da Fazenda do petista.

A Odebrecht havia conquistado contratos bilionários no regime do ditador assassino da Líbia, Muamar Kadafi.

Resumindo o esquema:

Lula se relacionava com Kadafi, que por sua vez facilitava obras da empreiteira na Líbia. Quem ganhava com isso?

1 – Kadafi, que superfaturava as obras para gastar o dinheiro em sua luta armada.

2 – A Odebretcht, que fechava contratos bilionários.

3- A turma do PT, que ganhava uma ‘gratificação’ da empreiteira por ter facilitado os contratos.



leia também:

Ditador, pedófilo e genocida doou US$ 1 milhão para a campanha de Lula, segundo Palocci


Ex-pistoleiro de Pablo Escobar diz que “Odebrecht é a máfia atual”


 

compartilhe esse post:
RSS
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
whatsapp
publicidade