Lula será candidato SIM, mas somente por algumas horas

Judiciário não age de ‘ofício’, só mediante ‘provocação’

Admar Gonzaga, ministro do TSE, declarou que qualquer ministro da corte pode indeferir (monocraticamente) uma candidatura presidencial ao analisar as certidões exigidas e verificar se o candidato está inelegível por não preencher os requisitos necessários (como condenações criminais ou administrativas).

O ministro disse ao Jornal Valor:

“O TSE não pode impedir alguém de registrar sua candidatura. Mas, no momento em que o candidato pede o registro, a Justiça Eleitoral já foi provocada. Não vou impedir o direito de ninguém de fazer o registro.”

Colocando numa linguagem mais fácil:

Assim que o PT fizer o registro da candidatura de Lula, ele será imediatamente indeferido (rejeitado, desaprovado, desconsiderado, negado, recusado).

Lula será candidato sim, mas somente por algumas horas!


 

compartilhe esse post:
RSS
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
whatsapp
publicidade


  • error: Conteúdo protegido !!