João de Deus na mira da polícia: Mais de 30 mulheres já relataram abusos

Amanda Nunes Brückner | 10/12/2018 | 10:18 AM | BRASIL
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Cerca de 30 mulheres, com idades entre 30 e 40 anos, já denunciaram o curandeiro João de Deus por assédio sexual.

Uma das vítimas (estudante de 26 anos) relatou ao Estadão:

” … em cerca ocasião, ele pediu para que eu o encontrasse numa sala anexa ao salão onde os fiéis são atendidos e trancou a porta […]. me pediu que eu ficasse de olhos fechados, virada para a parede […] 

Segundo a vítima, o curandeiro alegava que faria uma “limpeza dos chacras”:

“Ele colocou o membro para fora e perguntou a minha idade […] respondi que tinha 26 anos […] então ele disse que eu teria que mexer 26 vezes no membro dele” ”

“Ao ver os depoimentos de outras mulheres (na Globo) decidi dividir a história […] foi doído, mas ajudou a me libertar […]  ficou claro para mim que se tratava de assédio.”

Ministério Público de Goiás e a Polícia Civil já apuram denúncias contra João de Deus há cerca de 6 meses.

O advogado do médium, que é o mesmo que defendeu Aécio Neves na Lava Jato, disse que João “recebe com indignação as denúncias” e nega qualquer ilegalidade.


 

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.