Itália: Decreto fecha escolas, teatros, pontos turísticos e isola 16 milhões de pessoas

*** conteúdo exclusivo do Diário do Brasil | se for reproduzir, copiar e/ou colar, favor citar a fonte ***

Guilherme Santiago | 08/03/2020 | 11:45 AM | INTERNACIONAL
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

O primeiro ministro do governo italiano, Giuseppe Conte, assinou nesta manhã (08) um decreto para combater a propagação do coronavírus autorizando o isolamento de 16 milhões de pessoas que vivem na região da Lombardia e em 14 outras províncias italianas.

O decreto, como Conte explicou, impõe sacrifícios, às vezes pequenos, às vezes muito grandes, mas é um momento de auto-responsabilidade diante de uma epidemia que se expande sem freio que já causou a morte de 233 pessoas e infectou quase 6 mil em todo o país.

Abaixo os pontos do decreto que divide a Itália em duas e afeta a região da Lombardia (10 milhões de pessoas) e 14 províncias espalhadas pelo norte da Itália (Modena, Parma, Piacenza, Reggio Emilia, Rimini, Pesaro-Urbino, Veneza, Pádua, Verbano Cuscio Osola, Treviso, Vercelli, Novara, Asti e Alexandria):

– É proibida a entrada ou saída do território, exceto por mão-de-obra comprovada ou requisitos extraordinários por motivos de saúde.

– Pessoas com febre maior que 37,5 graus devem ficar em casa e não manter contato, com a proibição absoluta de movimento daqueles que foram positivos para o coronavírus.

– Recomenda-se promover que, durante esse período, os trabalhadores tirem férias ou licenças.

– Creches, escolas de todos os níveis e universidades, públicas e privadas, estão fechadas.

– Todas as manifestações públicas e competições esportivas são suspensas, exceto os profissionais que deverão ser realizados a portas fechadas.

– Cerimônias e funerais civis e religiosos serão cancelados … em locais de culto, a segurança da distância entre as pessoas deve ser garantida.

– Ginásios, piscinas, estâncias de esqui, centros culturais, discotecas, teatros, cinemas e espaços públicos estão fechados.

– Os bares são mantidos abertos das 6h às 18h, mas respeitando um espaço de pelo menos um metro entre as pessoas.

– Os shopping centers de médio e grande porte estão fechados no final de semana.

– Todas as autorizações de pessoal e trabalhadores da saúde necessárias para gerenciar a crise estão suspensas.

No resto da Itália, as medidas já estão aprovadas e serão reforçadas … teatros e museus também estão fechados e o fechamento das faculdades e universidades será mantido até 15 de março.


 

 

compartilhe esse post:
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
Instagram
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.