Greve dos caminhoneiros pode derrubar Michel Temer


A greve dos caminhoneiros, que entrou hoje (25) no quinto dia consecutivo, a depender da intensidade, pode até derrubar o governo vampiresco de Michel Temer.

Além de provocar caos nas estradas brasileiras, a paralisação da categoria já está impactando os centros urbanos com desabastecimentos.

De acordo com a Abcam (Associação Brasileira dos Caminhoneiros), que representa 600 mil trabalhadores do “volante”, enquanto o governo não sinalizar com com uma redução drástica nos impostos PIS/Confins, a luta continuará.

A redução proposta pelos caminhoneiros significaria uma diminuição de até 42% no preço final do diesel, o que consequentemente traria uma redução de preços em toda a cadeia de consumo.

Com o constante desabastecimento provocado pela greve (justíssima) dos caminhoneiros, uma revolta popular poderá explodir a qualquer momento […] e aí, a queda do presidente será só uma questão de tempo.


 

 

compartilhe esse post:
RSS
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
whatsapp
publicidade