Gilmar Mendes ataca procuradores com palavrões e Raquel Dodge assiste passivamente

Amanda Nunes Brückner | 14/03/2019 | 10:59 AM | BRASIL
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.


Uma rápida explicação:

Procuradores da Operação Lava Jato, conduzidos por Deltan Dallagnol, tentaram criar um fundo bilionário com recursos da Petrobras.

O objetivo seria investir em programas sociais e projetos de combate à corrupção.

Não deu certo … a criação do fundo rachou o MPF e a procuradora-geral Raquel Dodge chegou a pedir ao STF a nulidade do acordo dos colegas de Curitiba para a constituição da fundação que administraria o caixa bilionário.

Ciente deste fato, o ministro Gilmar Mendes não perdeu a oportunidade e declarou guerra aos Procuradores da República.

O ministro fez acusações seríssimas contra os procuradores e Raquel Dodge (que deveria defender seus pares) assistiu a tudo passivamente.

Gilmar chegou a dizer que o dinheiro deste fundo serviria para financiar eleições futuras.

“Sabe-se lá o que podem estar fazendo com esse dinheiro.”

E mais, o ministro também declarou que Procuradores da República ameaçaram um ministro do TSE durante o julgamento da chapa Dilma-Temer.

confira:



(STF – sessão do dia 14/03/19)


 

compartilhe esse post:
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
Instagram
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.