Deputado responde para Benito Di Paula: “Não lhe cabe dizer o que os outros devem ou não cantar”

Muito nervoso, o cantor Benito Di Paula publicou um vídeo onde criticou (com toda razão) o deputado Carlos Marun

Para comemorar o arquivamento da denúncia contra Michel Temer, o deputado Marun divulgou (nas redes sociais) uma paródia de uma música do cantor.

Tanto Benito (que é o autor da música feita exclusivamente para sua mãe) quanto os brasileiros (que viram a injustiça reinar na Câmara) se sentiram extremamente irritados com a dancinha do parlamentar.

Na manhã de hoje, o deputado tentou se explicar:

“Estou triste com esse vídeo gravado pelo Benito […] não o conhecia como pessoa e estou conhecendo agora […] eu tinha o costume de cantarolar suas músicas durante momentos de felicidade.”

O deputado ainda disse que a atitude do artista é extremamente incompatível ao não concordar com a ‘dancinha’:

minuto 1:36 prestem atenção ao que o deputado disse ao cantor

“Além disso não lhe cabe dizer, censurar, quase que impor um novo AI-5 (decreto emitido pelo governo militar entre 1964/1985) e a partir daí definir o que os outros podem cantar […] você já fez muito sucesso, agora quer proibir as pessoas de cantar suas músicas? […] isso é censura”

Quem é Benito Di Paula e quem é Carlos Marun na história do Brasil?

Precisamos responder aqui?

Não há o que se comparar … o deputado deveria (no mínimo) respeitar os mais velhos […] o cantor tem hoje 75 anos e uma história de vida limpa, longe de dinheiro público.

O mais sensato seria nosso ‘nobre parlamentar’ pedir desculpas […] ao Benito e ao povo brasileiro […] não por cantar uma música e sim por zombar de toda uma nação.



 

 

publicidade


error: Conteúdo protegido !!