Defesa de Lula entrega alegações finais e cita Tiradentes: “O enforcado que virou herói”

08/01/2019

A defesa de Lula apresentou ontem (7) as chamadas ‘alegações finais’ referentes ao processo do Sítio de Atibaia.

O ex-presidente é acusado de lavagem de dinheiro e corrupção passiva pelas reformas executadas no imóvel.

Uma banca composta por 10 advogados protocolou o documento pedindo a absolvição do réu por “insuficiência de provas” e “atipicidade das condutas” do processo.

Já na primeira página do documento, uma fala de Lula é citada:

“O herói não é o cara que enforcou Tiradentes. Foi o enforcado que virou herói”.

Será que o petista tá pedindo para ser enforcado ???

Uma curiosidade: No dia 19 de abril de 1789, Joaquim José da Silva Xavier (o Tiradentes) foi condenado à morte pelo crime de lesa-majestade (traição) … quanta coincidência!

Críticas a Sérgio Moro

Zanin, que é o líder da trupe de causídicos, criticou o ex-juiz da Lava Jato.

“Prática de atos por este Juízo, antes e após o oferecimento da denúncia,
que indicam a impossibilidade de o Defendente obter julgamento justo, imparcial e independente; magistrado que presidiu a fase de investigação atualmente é ministro do governo do Presidente eleito a partir de sufrágio que impediu a participação do Defendente …”

Trocando em miúdos:

Moro não foi justo em seu julgamento porque atualmente ele é ministro da Justiça

Agora a referência a Bolsonaro:

” … até então líder disparado em todas as pesquisas de opinião — a partir de atos concatenados praticados ou com origem em ações praticadas pelo mesmo juiz; Governo Federal sob a condução de Presidente da República que anunciou que iria “fuzilar petralhada” e que o Defendente deve “apodrecer na cadeia” e que seus aliados têm a opção de “deixar o país ou cadeia”, diz o documento.”


 

compartilhe esse post:
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
Instagram