De acordo com Gilmar Mendes, Sérgio Moro e Deltan Dallagnol são ‘cretinos que deliram’

De acordo com o ministro do Supremo Gilmar Mendes, os integrantes do Ministério Público Federal “não conhecem nada de sistema” ao elaborar o projeto das 10 medidas contra a corrupção

Mendes comentou que autores da proposta são cretinos:

“Quem faz uma proposta dessa não conhece nada de sistema, é um cretino absoluto. Cretino absoluto”, disparou Mendes em uma referência ‘velada’ ao juiz federal Sergio Moro e ao coordenador da Lava Jato no Paraná, procurador Deltan Dallagnol.

Dallagnol e Moro foram pessoalmente ao Congresso defender o pacote de projetos que contou mais de dois milhões de assinaturas de apoio popular.

“É aquela coisa de delírio. Veja as dez propostas que apresentaram. Uma delas diz que prova ilícita feita de boa fé deve ser validada. Quem faz uma proposta dessa não conhece nada de sistema, é um cretino absoluto.” continuou Mendes.

Cuidado ministro! O peixe morre pela boca!


publicidade


error: Conteúdo protegido !!