• busca por palavra (s)
  • China poderá suspender fornecimento de combustível para a Coreia. País de Kim Jon entraria em colapso


    Os preços da gasolina em Pyongyang dispararam 83% em apenas três dias, segundo estrangeiros que residem no país

    Em alguns postos de gasolina, apenas diplomatas e organizações internacionais estão sendo atendidos.

    O Querosene, um hidrocarboneto líquido obtido através da destilação do petróleo bruto, também poderá ser restringido e afetará diretamente o programa nuclear da Coreia, já que vários foguetes e mísseis dependem dessa fonte específica de energia.

    Vale ressaltar que uma outra parte do arsenal nuclear de Kim Jon-un é movido a combustível sólido.

    Um especialista do banco IBK da Coreia do Sul disse que um embargo do petróleo deixaria o Norte “totalmente paralisado”.

    Caso a China confirme a restrição, a Coréia do Norte não sobreviverá por três meses”, disse Cho Bong-hyun.O presidente dos EUA, Donald Trump, tem pressionado a China para controlar economicamente a Coreia do Norte.

    “Cortar óleo por um longo período de tempo é provavelmente a punição mais dura que a China poderia impor“, disse Bonnie Glaser, do Centro de Estudos Estratégicos e Internacionais em Washington.


     

    publicidade



    error: Conteúdo protegido !!