Cãozinho da raça Lulu da Pomerânia morre após testar positivo para Covid-19. OMS recomenda cautela com animais de estimação

Guilherme Santiago | 18/03/2020 | 6:49 AM | INTERNACIONAL
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.


(bloomberg) Um cãozinho de estimação de Hong Kong (da raça Zwergspitz ou Lulu da Pomerânia) que foi testado para o coronavírus morreu dois dias após ter sido liberado da quarentena.

Identificado pelo South China Morning Post como um pomerano de 17 anos, ele morreu na segunda-feira (16), informou o Departamento de Agricultura, Pesca e Conservação de Hong Kong.

O departamento disse que a causa da morte não pôde ser determinada depois que o proprietário, que recentemente se recuperou de uma infecção por coronavírus, se recusou a realizar uma autópsia.

Embora o cão tenha testado inicialmente “positivo fraco” para o vírus, ele não apresentou sintomas e foi liberado da quarentena no sábado, após testes adicionais produzirem resultados negativos.

O caso foi observado de perto por amantes de animais, preocupados com o fato de seus pets serem vulneráveis ​​à doença ou se tornarem potenciais disseminadores.

O vírus já matou quase 8.000 pessoas em todo o mundo.

A OMS alertou que não há evidências de animais transmitindo o vírus aos seres humanos:

“No entanto, porque animais e pessoas às vezes podem compartilhar doenças … ainda é recomendável que as pessoas que estão doentes com o Covid-19, limite o contato com seus fieis companheiros e outros animais até que mais informações sejam conhecidas sobre o vírus”.

 

 

compartilhe esse post:
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
Instagram
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.