Bolsonaro sobre a Lei das fake fews: “Oito anos de cadeia é um absurdo. Agradeçam ao Kim”

Patrícia Moraes Carvalho | 02/09/2019 | 1:18 PM | POLÍTICA
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Pena de 2 a 8 anos é um absurdo …

O presidente Bolsonaro havia vetado o projeto que previa penas mais duras (até 8 anos) para quem divulgasse fake news com finalidade eleitoral.

Pois bem … eis que aparece o deputado Kim Kataguiri (do MBL) e faz uma lambança ao propor que o Congresso derrubasse o veto de Bolsonaro.

O argumento usado pelo presidente para vetar a medida foi o da contrariedade ao interesse público.

E pensar que Kim foi eleito pegando carona na popularidade de Bolsonaro!

O que mais causa asco nisso tudo é que o deputado, antes de ser eleito, teve toda a liberdade para falar e publicar o que bem pensava … agora ele mudou de lado.

Dizem que seu apelido nos corredores da Câmara é ‘Juninho’ … que se refere a Rodrigo Maia Junior.


Indignado, o presidente reagiu


Código Penal já prevê penas para crimes contra a honra

São três os crimes contra a honra: calúnia, difamação e injúria. Os crimes contra a honra estão previstos nos artigos 138, 139 e 140 do Código Penal.

Calúnia – Art. 138 – Caluniar alguém, imputando-lhe falsamente fato definido como crime.

Pena – detenção, de seis meses a dois anos, e multa.

Difamação – Art. 139 – Difamar alguém, imputando-lhe fato ofensivo à sua reputação.

Injúria – Art. 140 – Injuriar alguém, ofendendo-lhe a dignidade ou o decoro.

Se o xingamento for fundamentado em elementos extraídos da raça, cor, etnia, religião, origem ou condição de idosa ou deficiente, o crime será chamado de “injúria discriminatória” (art. 140, § 3º do Código Penal).

 

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.