Basta fazer uma perícia nos áudios e comprovar de quem é a voz

Amanda Nunes Brückner | 11/03/2019 | 5:48 PM | MÍDIA
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

(Patrícia Carvalho)

Gente … a mídia entrou em desespero!

O Estadão publicou uma nota com o seguinte título:

“Informações divulgadas por Bolsonaro são falsas, diz site francês”

Todos os outros sites que fazem parte da conspiração para derrubar Bolsonaro (incluindo o Antagonista) copiaram e colaram a matéria do Estadão.

Quem fez a denúncia (vídeo abaixo) foi um jornalista premiado chamado Jawad Rhalib, que gravou um áudio da repórter do Estadão.

O site Terça-Livre, assim como o presidente Bolsonaro, apenas reproduziram a denúncia e OS ÁUDIOS na íntegra.

Não há que se falar em fake news nem tão pouco em distorções.

Grandes grupos de comunicação estão desesperados porque a denúncia atingiu a credibilidade deles.

O caso ‘Queiroz’, por exemplo, foi colocado em xeque, porque a jornalista do Estadão teve acesso a dados sigilosos do COAF antes mesmo que os fatos fossem parar na justiça.

Então como resolver esse impasse?

Simples, é só a PF (a pedido de Bolsonaro) realizar uma perícia nos áudios e verificar se a voz é da jornalista do Estadão … e ponto final.

Ressaltando que a moça em si (a jornalista) não deve e nem merece sofrer algum tipo de retaliação ou xingamentos … ela não passa de um peão no xadrez da grande mídia … foi usada para servir a interesses escusos dos poderosos.



compartilhe esse post:
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
Instagram
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.