Atirador de Ohio se autodeclarava ativista de extrema-esquerda

Guilherme Santiago | 06/08/2019 | 4:18 PM | INTERNACIONAL
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.
Connor Betts, atirador de Dayton, descreveu-se nas redes sociais como um “esquerdista” pró-satanás que desprezava Donald Trump

Connor Betts, 24 anos, atirador que vitimou fatalmente 9 pessoas e feriu outras 16 em Dayton (Ohio) no último dia 4, era contra o direito à posse de armas.

De acordo com o jornal Dayton Daily, El-Fakir (amigo ao atirador) revelou detalhes sobre o posicionamento político dele:

“Não é uma pessoa de direita. Suas opiniões políticas definitivamente se inclinavam para a esquerda … acredite ou não, ele era a favor do controle de armas … era um anti-segunda emenda.”

A imprensa norte-americana também citou alguns tuítes do atirador, nos quais ele repostava mensagens de extrema esquerda.

Betts também afirmava, nas redes sociais, que era ‘esquerdista pró-satanás’ e postava (frequentemente) mensagens de ódio contra Donald Trump:

“ … quero o socialismo e não vou esperar que os idiotas finalmente cheguem à compreensão”, postou Betts no Twitter, de acordo com o site Heavy.

Segundo a CNN, o tuíte mais recente do criminoso foi publicado no dia 3 de agosto, véspera do tiroteio, quando ele retuitou uma mensagem dizendo: “Millenials tem uma mensagem para a geração Joe Biden: apresse-se e morra”.

Em 2016 (eleições dos EUA) Betts também retuitou mensagens de apoio aos candidatos Bernie Sanders e Elizabeth Warren, que representam a ala mais à esquerda entre os democratas.

 

 

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.