Atirador de Campinas trabalhou no Ministério Público de SP

11/12/2018

Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

O atirador de Campinas, que vitimou fatalmente 4 pessoas (três homens e uma mulher) e feriu outras quatro foi servidor concursado do Ministério Público do Estado de São Paulo e atuou como auxiliar de Promotoria I, na Comarca de Carapicuíba, região metropolitana de São Paulo.

Euler Fernando Grandolpho, analista de sistemas de 49 anos, se matou após cometer o massacre.

O Ministério Público de SP declarou que Euler pediu exoneração do cargo em julho de 2014.

O tiroteio ocorreu hoje (11) por volta das 13h25, de acordo informações da PM.

Segundo relatos de testemunhas, Euler invadiu a igreja e atirou contra várias pessoas.

Ainda não se sabe a motivação do crime.


compartilhe esse post:
Follow by Email
Facebook
Google+
Twitter
Instagram
Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.