Associação dos Magistrados repudia Mendes: “Desrespeita e deprecia a magistratura brasileira”

A AMB (Associação dos Magistrados Brasileiros) e a AMAERJ (Associação dos Magistrados do Estado do Rio de Janeiro) decidiram enfrentar o mal pela raíz!

Após Gilmar Mendes criticar o excesso de ‘medidas cautelares’ contra investigados (trocando em miúdos: prisão preventiva de políticos bandidos e corruptores do sistema) e dizer que “os erros do judiciário vão se amontoando a toda hora”, ambos os órgãos decidiram se unir e repudiaram a declaração do ministro Gilmar alegando que o mesmo agride de modo desrespeitoso a magistratura brasileira.

Jayme de Oliveira, presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros, disse que Gilmar agride de modo desrespeitoso a magistratura brasileira:

“Se alguém está brincando, por certo não são os juízes e desembargadores que cumprem com seriedade a legislação brasileira e se esforçam para vencer a enorme carga de trabalho, sem paralelo nas democracias mais avançadas”.

A AMAERJ (Associação dos Magistrados do Estado do Rio de Janeiro) declarou que é “fundamental que a magistratura seja valorizada pela relevância de sua atuação e não depreciada, principalmente por uma autoridade que é presidente do TSE e membro do STF”.

 


notagilmar

 

publicidade


error: Conteúdo protegido !!