Após pedir ‘Lula livre’, ex-presidenta da Argentina é indiciada por formação de quadrilha

Em dezembro de 2018, a ex-presidenta da Argentina Cristina Kirchner declarou que o sistema judicial brasileiro estava usando o lawfare (armas jurídicas objetivando perseguição política) contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva.

Na tarde de hoje (25), o juiz Julián Ercolini indiciou Cristina Kirchner e seus filhos por lavagem de dinheiro e formação de quadrilha.

Autoridades argentinas investigam se a família de Kichner recebeu propina de empresários em troca de concessões para obras públicas.

Pois é […] a esquerda latino-americana está indo para a cadeia!


 

publicidade

  • error: Conteúdo protegido !!