Advogado de Lula na ONU joga a toalha: “Ele não escapará da condenação em 2ª instância”

Geoffrey Robertson, advogado contratado para defender Lula no Comitê de Direitos Humanos da ONU, disse que a condenação do petista em 2ª instância é praticamente certa:

“Não há mais recursos porque a Justiça do Brasil está sendo totalmente parcial. Temos que apelas para as cortes internacionais, onde há Justiça verdadeira”, delclarou Robertson.

O britânico destacou que as chances do ex-presidente concorrer nas próximas eleições são praticamente nulas:

“O presidente do tribunal (2ª instância de Curitiba) já prejulgou o Lula quando alegou que a sentença de Sérgio Moro foi impecável. Fica nítido que o julgamento é uma aberração” disse.

Robertson se referiu à citação do presidente do TRF-4, Carlos Eduardo Thompson Flores, que declarou ao jornal O Estado de S. Paulo que Moro foi “irrepreensível” e “irretocável” na sentença que condenou o petista.

Em condição de anonimato, outros advogados que atuam na Lava-Jato também confirmaram que as chances da 2ª Turma do TRF-4 reverter a sentença de Sérgio são praticamente inexistentes.


 

publicidade


error: Conteúdo protegido !!