Lula se autodeclara inocente e diz que a Lava-Jato é uma ‘palhaçada’

Ao discursar na abertura do Congresso Nacional do PT, ontem em Brasília, Lula disse que a Lava-Jato é uma PALHAÇADA

(Patrícia Moraes Carvalho para o Diário do Brasil)

O ‘Nicolás Maduro’ de Pernambuco se autodeclarou inocente e exigiu o fim das acusações contra ele.

“Não quero que vocês se preocupem com meu problema pessoal (leia-se centenas de crimes). Esse, eu vou decidir com o representante do Ministério Público, da Lava Jato. Quero decidir com eles. Eu já provei minha inocência. Agora vou exigir que eles provem minha culpa, porque cada mentira contada será desmontada”, disse o ex-presidente.”

A desonestidade de Lula não tem limites. Ele trata os brasileiros como um bando de idiotas.

O ex-presidente disse que ‘vai exigir’ que o Ministério Público prove sua culpabilidade.

Quem esse cidadão acha que é para exigir algo de um órgão competente como o MPF?

Ah, ele também se declarou inocente e deu o assunto por encerrado.

Pois bem, agora ele virou juiz de direito […] comete crimes e ele mesmo declara sua sentença: SOU INOCENTE!

“Eu e Dilma temos até conta no exterior. Eu nem sabia que ela tinha e ela não sabe que eu tenho. Um canalha diz que fez uma conta para mim e uma para a Dilma, mas que está no nome dele. Chegou o momento de parar com a palhaçada neste país. O PT tem que dar uma resposta clara para a sociedade”, declarou.

A mesma ladainha de sempre […] Eu e a Dilma não sabíamos de nada!

Até quando seremos obrigados a escutar esse discurso patético e recheado de mentiras?

Chamar a Lava-Jato de palhaçada?

O que acontece se eu (uma simples cidadã) confrontar um policial federal (ou um chefe do Ministério Público ou um juiz) e o chamar de palhaço?


publicidade


error: Conteúdo protegido !!