Temer vai recorrer ao STF para cassar os direitos políticos de Dilma

temernervoso0109

De acordo com a alta cúpula do PMDB, o presidente Michel Temer foi surpreendido com a decisão do ‘fatiamento’ da sentença de Dilma Rousseff

O senador Aécio Neves também comentou sobre o assunto e afirmou ao canal Globo News que o presidente empossado irá ingressar com uma ação junto ao Supremo Tribunal Federal para rever a decisão do senado com relação à votação do impeachment.

publicidade

Não cabia ao Senado decidir sobre a ‘dosagem’ de pena aplicada a Dilma e sim cumprir seu papel como está previsto no artigo 52 da Constituição Federal, ou seja, perda do cargo e consequente inabilitação por 8 (oito) anos.

Um “conluio” entre alguns nomes do PMDB e do PT foi organizado para que se preservasse os direitos políticos de Dilma.

publicidade