Senadores se unem contra Renan e não aprovam votação de emergência

senadovendeporenquanto

O senado não cedeu às ordens de Renan Calheiros

O requerimento de urgência para votação do projeto que salva os políticos criminosos foi rejeitado pelo plenário por 44 (contra Renan) a 14 votos (a favor)

publicidade

Renan Calheiros levou um cruzado de direita.

O projeto segue agora para a (CCJ) Comissão de Constituição, Justiça e Cidadania da casa.

 

publicidade