Sedenta por audiência, Globo tentou transmitir coletiva de Cunha e deu com os burros n’água

chumbotrocado

Eduardo Cunha, presidente afastado da Câmara  realizou uma coletiva hoje [21] através do canal TV Câmara

O canal a cabo GloboNews [do grupo GLOBO] avisou os assinantes que começaria a mostrar a coletiva: “Já temos imagens ao vivo da coletiva…”, indicou uma das apresentadoras de um telejornal.

publicidade

A coletiva de Cunha ficou menos de cinco minutos no ar.

A GloboNews decidiu cortar a transmissão sem a menor explicação, como se nada tivesse acontecido.

O QUE ACONTECEU?

Logo no início da coletiva, Cunha começou a ‘pancadaria’ contra a Rede Globo.

O deputado criticou o o Jornal Nacional e atacou William Bonner [que é apresentador e editor chefe do telejornal] :

” Todos os dias o Bonner arranja alguém para falar de mim. Se eu pegar as matérias do ‘Jornal Nacional’, em cada dia tem uma pessoa diferente, mas elas acabam se repetindo. Acho que fazem revezamento”, disse Cunha em tom de ironia.

E o bombardeio continuou:

” O jornal me pede notas faltando poucos minutos para exibir as reportagens. Quando a minha defesa entrega uma resposta, eles decidem restringir minha defesa a uma única frase. Usam vários minutos para me atacar e poucos segundos na minha defesa. “

Após ‘meia dúzia’ de palavras, a Globo News acabou com a transmissão e chamou um link externo [que não funcionou].

O assunto tomou conta das redes sociais.

publicidade