Secretário de Justiça do Rio Grande do Norte: “Preso tem que ser tratado como preso. Cadeia não é hotel”

Wallber Virgolino, secretário de Justiça do Rio Grande do Norte, informou (em entrevista ao jornal GLOBO) que os estados fazem acordos com os presos para evitar rebeliões.

Como dizia o personagem Capitão Nascimento, do filme Tropa de Elite, ‘O SISTEMA É CORRUPTO”.

De acordo com Wallber, “o criminoso tem que se sentir criminoso” e se submeter a regras de cadeia e não pode ter acessos a mordomias como ventilador, TV, etc…

O secretário, que também é delegado de polícia, disse:

“Cadeia não é hotel e preso não é hóspede”.

E continua:

“Temos que encarar o preso como preso. Se tivemos alguma falha na educação ou nos programas sociais, isso não é problema nosso. Estamos lá para custodiar.”

“Preso tem que ser tratado como preso, como acontece no Japão, nos EUA”

publicidade
error: Conteúdo protegido !!