Rússia e Irã ameaçam os EUA: “Se as linhas da Síria forem cruzadas novamente, responderemos com força”

Rússia e Irã alertaram os EUA e disseram que “responderão com força” caso as “linhas vermelhas” da Síria forem cruzadas novamente

“A América agrediu a Síria e ultrapassou as linhas vermelhas. De agora em diante, responderemos com força a qualquer agressor que ultrapassar esses limites, quer sejam os EUA ou não.” informou a central de comando Rússia/Irã.

Na última sexta-feira, Donald Trump disse que, ao ordenar o ataque de 59 misseis tomahawk à base militar na Síria, estava “representando o mundo” .

O secretário de Defesa do Reino Unido, Michael Fallon, exigiu que a Rússia rompesse com o regime de Assad  e alegou que Moscou é “responsável por todas as mortes de civis que ocorreram durante o ataque químico da última terça-feira”.

O centro de comando conjunto (Rússia e Irã) também declarou que o ataque de mísseis realizado pelos EUA não poderão impedi-los de “libertar” a Síria e que a presença militar norte-americana no país de Bashar al-Assad é uma “ocupação” ilegal:

“Os Estados Unidos conhecem nossa capacidade de responder bem” finalizou a nota.


publicidade