Reviravolta no caso Victor: Polícia Civil indicia o cantor sertanejo pelo crime de “vias de fato”

O caso do sertanejo Victor tomou um novo rumo

O cantor foi indiciado pela Polícia Civil pela contravenção penal prevista no artigo 21, do Decreto Lei 3.688/41.

Há cerca de dois meses, Poliana procurou a polícia e denunciou o artista por lesão corporal.

Ela afirmou (em 24 de fevereiro) que havia sido derrubada no chão e chutada.

Na época, o exame de corpo de delito ‘teria’ dado negativo para agressão e Poliana retirou a queixa.

Nesta semana a Polícia de Minas Gerais analisou várias imagens do circuito interno do prédio onde o casal mora e determinou o indiciamento de Victor.

“A PCMG (Polícia Civil) informa que relatou à Justiça o inquérito instaurado a partir da denúncia de agressão registrada por Poliana Chaves […] diante das provas coletadas, a PCMG concluiu pelo indiciamento de Victor Chaves pela contravenção penal prevista no artigo 21, do Decreto Lei 3.688/41, […] conforme demonstrado no laudo pericial das imagens das câmeras de segurança do prédio e pelo depoimento da vítima”, informou uma nota à imprensa redigida pela Polícia Civil de Minas Gerais.”


 


 leia também:

Ator acusado de abuso escreve carta aberta e pede desculpas: “Ultrapassei meus limites”


publicidade


error: Conteúdo protegido !!