Próximo alvo de Trump: “Se a China não nos apoiar, invadiremos a Coreia do Norte sozinhos”

Trump prometeu acabar com a ameaça nuclear de Kim Jon-un por conta própria, caso a China não manifeste apoio

A Coréia do Norte ameaçou os Estados Unidos com uma “guerra nuclear total” com o envio de tropas para a península.

Kim Jong-un também ameaçou Trump ao dizer que tem um míssil intercontinental balístico capaz de atingir o coração americano.

Questionado sobre as armas nucleares da Coréia do Norte, o presidente norte-americano não ficou nervoso (como de costume) e prometeu resolver o problema rapidamente.

Ele disse ao Financial Times:

“Bem, se a China não vai resolver o caso da Coréia do Norte, nós vamos. Isso é tudo o que eu tenho para dizer”

Trump acrescentou que ainda espera que a China reconsidere o ataque ao ditador norte-coreano.

“A China tem um interesse particular na situação. Eles são conhecidos por terem influência sobre o imbecil Kim Jong-un” disse um oficial do exército americano.

Donaldo Trump acrescentou:

“Ou China decide nos ajudar com a Coréia do Norte ou não. Se não ajudaram, nós faremos sozinhos”

O Pentágono desenvolveu uma série de opções sobre como lidar com o ditador covarde , incluindo um plano de assassinato e decapitação do gordinho maluco .

Durante essa semana, o presidente chinês Xi Jinping viajará para a Flórida para se encontrar com Trump.

Sobre o presidente Xi, Trump disse:

“Tenho um grande respeito por ele e pela China. Eu não ficaria surpreso se fizéssemos algo em conjunto que seria útil para ambos os países”

publicidade