Prefeito do Rio ironiza traje de governadora de Tokyo: “Eu deveria estar vestido de sambista carioca”

paesironiza

Em entrevista coletiva concedida na última sexta-feira (19), o Prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, mencionou que que não se deve comparar o legado olímpico da Rio 2016 com o legado de países desenvolvidos.

publicidade

Ao lado da governadora (equivalente ao cargo de prefeito no Brasil) da cidade de Tóquio, Yuriko Koike, Paes disse que Rio ganhou a disputa para sediar as Olimpíadas porque Tóquio era “a cidade perfeita” e o Rio tinha “muitos problemas a resolver”. (frase essa que não fez sentido algum)

O prefeito (tentando ser engraçado) comentou que a governadora de Tokyo veio conhecer o “jeitinho tropical” de fazer as coisas.

Na verdade, a governadora Yuriko Koike está no Rio para a passagem da bandeira olímpica. Tokyo sediará as Olimpíadas de 2020.

Para encerrar a entrevista, o prefeito se superou no besteirol:

Enquanto a governadora Yuriko, vestida com um kimono, falava sobre a simbologia do traje para a cultura japonesa, Paes pediu a palavra e se desculpou por não estar vestido de “sambista carioca”.

Que comparação mais tosca!

Com todo respeito e reverência pelo povo do Rio de Janeiro, mas onde é que o traje de “sambista carioca” representa a cultura do povo brasileiro?


leia também:

murilorosa

RIO 2016: Advogado diz que comprou ingressos falsos de ator Murilo Rosa. Ator diz que também foi enganado


publicidade