Petrobras anuncia fim do controle do governo. Gasolina terá preço fixado pela própria estatal

PETROBRAS150616

Segundo Pedro Parente, novo presidente da Petrobras, as decisões sobre preços de combustíveis, vendas de ativos e novos projetos ficarão exclusivamente a cargo da estatal

GASOLINA TERÁ PREÇO DE MERCADO, AFIRMOU O PRESIDENTE.

publicidade

Também está descartada qualquer capitalização do governo na petroleira. Ou seja, cada um na sua.

“Temos que resolver nossos problemas com os nossos próprios meios”, afirmou Parente.

Parente não quis adiantar se haverá mudanças nos preços da gasolina, mas garantiu que será uma decisão “empresarial” da Petrobras.

Interrompe-se assim a política de controle de preços do governo Dilma, que utilizou os combustíveis para controlar a inflação e outras vezes para alimentar o caixa da estatal.

A solução do endividamento da Petrobras, cerca de R$ 450 bilhões, passará pela venda de ativos.

Parente disse que aposta na reestruturação da dívida. “A área financeira da empresa vem trabalhando com sucesso. Recentemente, lançamos títulos com uma demanda muito acima da oferta”, diz.

publicidade