Pedido de prisão preventiva de Lula chega em Curitiba. Ex-presidente está nas mãos de Sérgio Moro

lulaxmoro030515

Documentos do pedido de prisão contra o ex-presidente Lula chegaram à 13ª Vara Criminal da Justiça Federal em Curitiba, República do Paraná

Os autos foram elaborados pelo MP de São Paulo.

publicidade

A juíza Maria Priscilla Veiga Oliveira [4ª Vara Criminal de SP] decidiu transferir o caso para a vara federal em Curitiba, que tem como titular o juiz Sergio Moro.

De acordo com a magistrada, o motivo para que a causa seja transferida para a Justiça Federal é que o MP estadual apontou que Lula cometeu crime de falsidade ideológica ao não informar à Receita Federal o número correto do imóvel [Triplex] reservado a ele no condomínio em Guarujá.

A juíza entendeu que, se houve declaração falsa à Receita, a competência é da Justiça Federal.

O ex-presidente é acusado de lavagem de dinheiro e falsidade ideológica e pode pegar de 1 a 3 anos de prisão, caso seja condenado.

Se Sérgio Moro entender que o caso é de competência estadual, o juiz poderá remeter o caso para SP novamente.

Marisa Letícia [esposa de Lula] e Fábio Luís Lula da Silva [filho] também são acusados de lavagem de dinheiro.

A defesa de Lula nega que o ex-presidente tenha cometido os crimes.

publicidade