Morre médico que caiu de varanda ao tirar selfie em pousada no Piauí

casalselfie

O médico Paulo César de Carvalho Telles (57 anos), que sofreu uma queda com a esposa, Leânia Garcia Telles, da sacada de uma pousada no litoral do Piauí, morreu na manhã de hoje (19) em São Paulo.

Eles estavam hospedados na pousada Casa da Tartaruga quando caíram de uma altura de cerca de três metros ao tentar fazer uma selfie em uma varanda na área externa da pousada no último dia 30.

publicidade

Antes da queda, Telles havia tirado a foto da mulher encostada no parapeito e depois resolveu fazer uma selfie no mesmo local para enviar à filha. O parapeito feito de madeira desabou e eles caíram de costas no chão.

O médico fraturou costelas, teve o pulmão perfurado e sofreu também lesões em três vértebras da coluna. Durante a internação, ele estava se submetendo às sessões de diálise para que os rins e o fígado voltassem a funcionar.

A morte de Paulo Telles foi comunicada pela Clínica do Coração de Rio Verde (GO), onde ele trbalhava como cardiologista e era um dos proprietários. O comunicado confirmou que o médico morreu às 9h30.

A mulher dele, que recebeu alta há uma semana, está em São Paulo. Paulo César estava internado no Incor (Instituto do Coração) desde o último sábado.

A equipe do InCor avaliou o estado de saúde dele, constatou a morte cerebral e abriu o protocolo para certificação do óbito.

publicidade