Luiza Brunet denuncia que foi espancada pelo namorado e teve quatro costelas quebradas

livioluiza

A modelo Luiza Brunet, 54 anos, diz ter sofrido uma série de agressões de seu namorado há cinco anos

O casal Luiza Brunet e o bilionário Lívio Parisotto tiveram um relacionamento conturbado, com alguns rompimentos e ficaram juntos por cinco anos.

publicidade

Luiza relatou que foi espancada pelo ex-namorado na madrugada do último dia 21 de maio. Ela contou tudo em entrevista à coluna de Ancelmo Gois, do jornal O Globo.

A denúncia mostra que a violência doméstica não respeita classe social e nem mesmo a conta bancária das pessoas agredidas.

E empresária e ex-modelo contou que teve que retornar do exterior às escondidas após sofrer uma série de agressões, iniciada por um momento de exaltação de Lírio.

Ela narrou que Lírio Parisotto se enfureceu durante um jantar com amigos ao ser questionado se iria a uma exposição de fotos. Ele teria dito que não, pois da última vez havia sido confundido com Armando, ex-marido da modelo.

Luiza explicou que subiu ao seu apartamento em NY e se deparou com Lírio de roupão assim que entrou.

O homem a recebeu com uma série de agressões verbais e, em seguida, a acertou com um soco no olho e lhe disparou uma sequência de chutes. Luiza disse que o empresário a teria imobilizado e quebrou quatro de suas costelas.

Uma queixa foi representada no Ministério Público de São Paulo, com laudo de corpo de delito do IML.

SUPOSTO AGRESSOR NEGA

Lírio Parisotto, de 62 anos divulgou nota hoje (1) em que diz lamentar que “versões distorcidas” sobre uma suposta briga do casal tenha sido divulgadas como “única expressão da verdade”.

publicidade