Jornalista [que já foi condenado pela justiça] xinga Bonner e Renata de ‘Canastrões’

phabonnerrenata

O jornalista Paulo Henrique Amorim publicou [em seu site] uma série de ataques à TV Globo e aos William Bonner e Renata Vasconcellos

Amorim chamou William Bonner e Renata Vasconcellos de “dois canastrões”.

publicidade

O vídeo de um minuto e meio tem o título de “Kamel tinha que derrubar a Dilma hoje”. Kamel é o diretor geral de Jornalismo da TV Globo.

Amorim disse: “O objetivo do ‘Jornal Nacional’ de hoje (16), um dia histórico segundo William Bonner, era derrubar a Dilma enquanto o jornal se transcorria[…] O que o ‘Jornal Nacional’ revelou é que William Bonner e Renata Vasconcellos são candidatos a participar da dramaturgia da Globo e nessa condição não passam de dois canastrões.”

Para finalizar, Amorim disse: “Se a Dilma sobreviver ao ‘Jornal Nacional’ e à Waack (apresentador do ‘Jornal da Globo’), acabou o golpe”.

 PROCESSADO (29/01/16)

O apresentador do programa Domingo Espetacular, na Record , jornalista Paulo Henrique Amorim,  foi condenado hoje (29) a cinco meses e dez dias de prisão por ofender Ali Kamel, diretor de jornalismo da Rede Globo

O desembargador do caso, Edilson Brandão, avaliou que Amorim tem a clara intenção de ofender a honra do diretor, e excedeu seu direito à crítica.

Amorim acusou Kamel de racismo em seu blog petista Conversa Afiada, criticando-o pelo livro Não Somos Racistas.

O jornalista escreveu que o diretor “engrossa as fileiras racistas dos que bloqueiam a integração e a ascensão dos negros”, e o chamou de “trevoso” no texto.

Cabe recurso da decisão. A defesa de Paulo Henrique Amorim deve recorrer. De acordo com o site Na Telinha, não é a primeira vez que o jornalista é processado por textos.

publicidade