Jornal Hoje mostra como o marido de Gleisi Hoffmann e João Vaccari dividiam as propinas

dividepropina

Um escritório de advocacia ligado ao marido [Paulo Bernardo] da senadora petista Gleisi Hoffmann Paulo recebeu cerca de R$ 7 milhões entre 2010 e 2015

De acordo com o MPF e a  Polícia Federal , o esquema funcionava no Ministério do Planejamento durante o governo Dilma.

publicidade

A PF encontrou indícios de que foram desviados R$ 100 milhões de um serviço de crédito consignado para funcionários públicos.

O jornal Hoje, da Rede Globo, mostrou o mapa detalhado da corrupção que abastecia uma rede de pessoas ligadas ao PT.

publicidade