Invertendo os papéis! Defesa de Lula vai ao STF para provar que o ‘criminoso’ é Sérgio Moro

lulaanjo

Advogados de Lula apresentaram hoje (15) embargos ao ministro Teori Zavascki, para que o MPF seja notificado sobre as condutas do juiz Sergio Moro

Os embargos apresentados pela defesa do ex-presidente querem provar que Moro cometeu crime de abuso de autoridade [previsto no artigo 10 da Lei 9269/96].

publicidade

O pedido ‘teria’ base no artigo 40, do Código de Processo Penal e a notificação prevista é obrigatória de acordo com a jurisprudência do Supremo Tribunal Federal.

Os advogados ‘caríssimos’ de Lula também pedem que o ministro Teori Zavascki libere acesso ao conteúdo dos inquéritos que foram remetidos de volta ao juiz Moro.

A ‘trupe jurídica’ de Lula argumenta que o acesso aos procedimentos permitirá identificar outros atos de usurpação da competência do STF cometidos pelo Juiz Sérgio Moro.

Eles alegam que há outras ligações telefônicas interceptadas que envolvem autoridades com prerrogativa de foro no STF e até mesmo.

publicidade