Imagens do circuito interno do Planalto poderão provar que Lula, Dilma e cia obstruíram a Lava-Jato

lulacircuito

A informação foi divulgada pela VEJA, em sua última edição

A matéria informou que a PGR (através de Rodrigo Janot) enviou ao STF uma lista de investigados por tentativa de obstrução da Lava-Jato.

publicidade

Os principais alvos seriam Dilma Rousseff, Luiz Inácio Lula da Silva, José Eduardo Cardozo, Aloizio Mercadante e Delcidio do Amaral.

Também foram citados o presidente do STJ (Francisco Falcão) e o ministro Marcelo Navarro Ribeiro Dantas (STJ).

Todos são suspeitos de obstruírem a maior investigação do país usando “condutas autônomas e praticadas com a mesma finalidade, embora em distintas circunstâncias de tempo, lugar e modo de execução”.

De acordo com a Procuradoria-Geral, há elementos que indicam um complô armado para abafar delações premiadas e esvaziar as investigações da Lava-Jato.

Janot ainda solicitou ao STF autorização para acessar as imagens do circuito de segurança do Palácio do Planalto com o objetivo de apurar se o ministro Marcelo Navarro Ribeiro Dantas e o ex-senador Delcidio do Amaral se reuniram com Dilma para planejar a liberação dos empreiteiros presos na Lava-Jato.

O termo de posse de Lula como ministro da Casa Civil também será investigado para checar se houve algum procedimento atípico na nomeação do ex-presidente.

janot1207

publicidade