Governo usa o sofrimento do povo e diz que CPMF deve ser aprovada para combater a microcefalia

cpmfmicrocefalia2

José Eduardo Cardozo, ministro da Justiça, declarou no último sábado (13) que a aprovação da CPMF no Congresso Nacional servirá para  para fortalecer o combate ao mosquito Aedes aegypti.

publicidade

“Temos que ter uma conscientização de que, neste momento que o Brasil vive, a aprovação desse tributo é muito importante. Nós não teremos outra forma de produzir recursos para desenvolver atividades como esta (de combate ao mosquito)”, disse Cardoso

HIPOCRISIA

Em 2015, o governo Dilma cortou verbas de pesquisa que poderia salvar milhares de bebês do surto de microcefalia e depois extinguiu o programa

E agora vem o ministro querendo vincular novos impostos para combater o Aedes?

Veja abaixo o depoimento de uma bióloga da USP:

Margareth Capurro, bióloga da USP que coordenava o estudo, lembra que a paralisação dos estudos aconteceu em setembro do ano passado, após quatro meses de atrasos nos repasses.

O projeto inicial previa um investimento total de apenas R$ 4 milhões, o que poderia ter evitado que milhares de crianças contraíssem a microcefalia. A doença já dizimou o futuro de aproximadamente 3 mil crianças nos últimos meses.

O que são R$ 4 milhões para um governo que torra verbas indiscriminadamente?

publicidade