General do Exército: “Temos uma presidente inábil e incompetente e Lula é um morto-vivo, desprovido de caráter”

GeneralExercito

Ninguém, hoje, em sã consciência e com um mínimo de discernimento, será capaz de prever o que será o amanhã do nosso País

Gen Gilberto Pimentel / Presidente do Clube Militar / 11 de dezembro de 2015

publicidade

Avaliações, incluídas as formuladas pelos mais competentes analistas políticos e econômicos, não passam de meros achismos e especulações. Estão apenas tratando de dar conta de suas incumbências.

De verdade mesmo, não dispõem de suporte científico ou técnico que respaldem suas conclusões. E nem poderiam. Simplesmente porque o Brasil, faz tempo, perdeu seu Norte. Está sem controle.

Como acreditar se as instituições propositivas, especificamente o Executivo e o Legislativo, não têm condições mínimas de dar as respostas que a sociedade exige delas? Estão literalmente contaminadas e paralisadas, e com elas o Brasil.

À frente do Executivo, uma presidente incompetente, inábil, atrelada a dogmas políticos equivocados e comprovadamente fracassados, e agora às voltas com um processo de impeachment.

Para piorar, alcançou o mais baixo nível de aceitação popular em todo o tempo de existência da República como decorrência da administração errática que abraçou, gerando a atual crise econômica que ela mesma provocou, em meio a escândalos de corrupção que proliferaram como praga em muitos setores de atividade pública e privada.

No Legislativo, cerca de um terço dos seus integrantes deverão proximamente prestar contas à Justiça por ilícitos cometidos, aí incluídos os presidentes da Câmara e do Senado. Precisa mais?

Nossas magras esperanças residem no Judiciário, ainda que lento e calcado numa legislação de outra época, excessivamente branda e inadequada para dar combate efetivo à criminalidade, em especial ao crime do colarinho branco. Só que já se percebe aqui e ali setores que não escondem intolerável comportamento ideológico. O que é extremamente preocupante.

Ao largo de tudo isso, como uma assombração, ronda um morto-vivo, muito mais vivo do que morto, responsável maior por todas as mazelas que hoje nos atormentam, na expectativa de que o quanto pior melhor possa beneficiar suas ambições desmedidas. Desprovido de caráter, volta a investir nos que ele ainda pensa poder enganar: os ingênuos e os malandros.

Dia desses, em meio a um evento do qual eu participava, uma linda jovem de dezessete ou dezoito anos, bela na aparência e no seu sentimento, dirigindo-se comovida ao público presente fez o seguinte desabafo: “Gente, vamos estar unidos em 2016! E arrematou: PRECISAMOS SER UM SÓ para recuperar o Brasil dos nossos sonhos”! Foi aplaudida longamente por todos.

E ela tem razão, SOMENTE SENDO UM seremos capazes de juntar a força necessária para recolocar o país nos trilhos. E se o clamor das ruas não se fizer ouvir a tempo ou com a intensidade necessária para expurgar essa gente, temo que os meios legais disponíveis possam não ser suficientes para fazê-lo. E aí…!!!

(via Clube Militar)

publicidade