Estudante de periferia escreve carta: “A Fátima não pode ser ‘bode expiatório’ da política irresponsável da esquerda”

fatima2211

(Paulo Carvalho Dutra – De Heliópolis para o Dário do Brasil)

publicidade

Precisamos parar de ‘eleger’ pessoas como ‘bode expiatório” do caos que se instaurou em nosso país!

Fátima foi infeliz? Talvez … mas ninguém merece ser crucificado por um comentário ou uma pauta de um programa.

Que diabos de democracia é essa?

Os políticos estão jogando a população uns contra os outros e ninguém consegue enxergar isso.

Temos mudar o foco das cobranças. O bombardeio tem que ser em Brasília.

É lá que todas as decisões são tomadas e as leis são criadas.

A mídia também tem sua parcela de culpa, é claro […] porém cabe a cada um optar por assistir (ou ler) aquilo que mais lhe convém.

Necessitamos urgentemente de uma campanha que promova nossos policiais […] eles devem ser enaltecidos, idolatrados, respeitados, bem remunerados … igual acontece nos EUA.

A verdade é uma só: quem instaurou esse CAOS e essa crise institucional que estamos vivendo foi a esquerda de Lula, de Dilma, de Jean Wyllys, enfim, essa turma de aloprados que você já ouviu falar.

Isso mesmo, não vou me furtar a dizer o nome do agitador que iniciou toda essa baderna: Chama-se Luíz Inácio!

Esse cidadão nunca gostou de seguir as leis, nunca fez questão de estudar e sempre propagou o ódio com aquela conversinha de ‘elite branca’.

Vamos acordar meu povo!

A Fátima não pertence aos Direitos Humanos. Ela nunca colocaria a vida de um bandido acima de um policial.

A esquerda nunca respeitou as autoridades, sempre incentivou badernas, quebradeiras, vagabundagem, desrespeito aos policiais, invasões, etc…

Queremos que você se volte contra Lula e o PT? Claro que não.

A população já está cuidando de resolver esse problema e prova disso foram as últimas eleições nacionais. O PT quebrou.

O foco tem que ser Brasília! O foco tem que ser os ‘retardados’ que defendem os direitos humanos.

O foco tem que ser os deputados! O país precisa urgentemente rever suas leis penais […] quem sabe até instaurar pena de morte. Porque não?

Esse papinho de que ‘bandido tem que ser ressocializado’ já deu.

Imagine só se todo cidadão que não teve uma infância boa ou enfrenta problemas financeiros resolver roubar, matar, sequestrar, enfim, os honestos não podem pagar pelos imorais.

As redes sociais precisam expor a cara desses verdadeiros estelionatários de gravata que se escondem atrás de um mandato e defendem os criminosos.

Volto a dizer, Fátima Bernardes foi infeliz SIM, mas será que ela tem que pagar o pato de uma política irresponsável que se instaurou no Brasil?

Para finalizar, quero que entendam meu desabafo.

Sou um simples estudante de uma escola pública, morador de uma área pobre de SP e que nunca teve luxos ou regalias na vida.

Mesmo passando por necessidades, nunca precisei roubar ou praticar qualquer crime.

Sempre fui bem tratado pela polícia, até mesmo quando me colocaram contra um muro e me pediram documentos.

Convivo com a bandidagem diariamente.

Vejo bandidos quando saio para trabalhar e quando volto para minha casa.

Jamais deixarei de respeitar nossos policiais. Sei que um dia precisarei deles !

Ahhh … nunca votei na esquerda. Eles usam os pobres (como eu) para se promover.

Sou pobre, mas não sou massa de manobra!

 

publicidade